Terça-feira, 1 de Fevereiro de 2011

Apreensões

 

 

Começando pelas notícias de ultima hora, tenho a dizer que não estou nada satisfeito com o negócio David Luiz.

 

O rapaz é novinho, com uma margem de progressão enorme, e já era titular indiscutível do Benfica e da Selecção do Brasil.

 

A cláusula era de 50 Milhões € e pelas notícias na altura do defeso (valem o que valem) houve uma oferta a rondar os 30 M €.

 

O negocio fez-se por 25 M € mais um jogador, que dizem valer 5 M €, mas que foi comprado o ano passado por valores muito inferiores a isso, sendo que a sua valorização parece-me muito exagerada, pois estava emprestado a um clube modesto da Liga Holandesa.

 

As contas do Benfica devem andar pela hora da morte, pois o encaixe é fraquinho (o Benfica não detinha os 100% do passe e há ainda o Clube de formação que também tem de receber alguma coisa) e o timing é péssimo.

 

O que mais me irrita são os discursos do LFV. “…as cláusulas são para cumprir…”; “…o Benfica não está em saldos…”; “…as contas estão controladas…”, etc, etc.

 

Não sabemos os termos do pagamento, mas mesmo que seja pago a pronto, dos 25 M € temos, forçosamente, de retirar 6,25 M € relativos a 25% do passe vendido (julgo ser essa a percentagem), mais uns 2 M € para pagamento de formação, ficamos com a módica quantia de 16,75 M €.

 

A conversa do descontente comigo não pega, só tinham de aumentar o ordenado ao rapaz, nem que fosse para os níveis dos mais bem pagos do plantel (não deve de ir ganhar muito mais), até porque ele era um dos jogadores mais importantes do plantel.

 

Como o facto está consumado, resta ter esperança (e eu tenho muita) no Sidnei e esperar que o Matic seja, realmente, uma mais valia, muito embora, para o lugar já cá temos o Javi e Airton. Espero que Javi não esteja já apalavrado para sair no fim da época.

 

 

 

Outro assunto preocupante está relacionado com a FPF. 70% dos votos não chegaram para fazer passar os novos estatutos, ganhou a minoria e não é preciso pensar muito para saber quem está por detrás disto, basta ver quem esteve ausente da reunião.

 

Continuamos na ilegalidade e já deve de haver Clubes de outros Campeonatos a esfregar as mãos de contentes, pois as competições europeias estão mesmo ali à mão de semear.

 

A Selecção pode fechar as portas, pois não vai haver competição para ninguém.

 

Aguardemos as decisões da FIFA e da UEFA, estes não brincam ao dirigismo e as pressões de outras federações têm o seu peso.

 

A confirmar-se estes "castigos", gostava de saber quem vai ser responsabilizado. 

                    

 

                   

publicado por Tasqueiro às 12:01
link do post | comentar | favorito
|

.Rodadas

contador de visitas
compteur gratuit
contador de visitas

.pesquisa

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Evolução

. Penoso

. Um bom exemplo

. Para reflexão

. Insatisfatório

.links

.arquivos

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim


. ver perfil

. 5 seguidores

blogs SAPO
RSS