Segunda-feira, 14 de Março de 2011

Cautelas

 

O Benfica venceu o PSG, não pelos números desejáveis, mas pelo resultado mínimo, se não fosse o golo sofrido, poderia considerar-se um bom resultado, assim, ficamos pelo razoável. Aguardam-se muitas dificuldades em Paris, será necessário muita concentração e espírito de sacrifício, é imperativo alcançar um bom resultado, os Benfiquistas (sempre presentes) merecem-no.

 

Contra o Portimonense, um empate, com Nuno Gomes e alguma sorte à mistura. JJ optou por fazer descansar a maioria dos jogadores mais utilizados, com excepção de Aimar, Jara (titulares), Gaitan e Salvio, que entraram na 2ª parte.

 

Aprovo o desprezo dado ao campeonato nacional, só não concordo com a táctica utilizada. É fácil de ver que não temos alas de substituição, sobretudo no lado direito.

 

A luta inglória pelo campeonato estava a desgastar a equipa, tanto física como psicologicamente, já era tempo de tomar uma posição, lutar pelo atingível e descartar o impossível.

 

 

 

Depois da destruição das casas do Benfica, das pedradas ao autocarro, dos isqueiros, das bolas de golfe, das ofensas e provocações, surgem agora as agressões. O Vice-presidente do Benfica foi agredido por dois indivíduos, só porque defende o Glorioso num programa desportivo.

 

Já sabemos que, da parte da direcção dos clubes, nem no Porto nem em Braga há preocupações, julgo até, que iniciativas deste género são muito bem recebidas e até incentivadas sem qualquer tipo de pudor. Esperava-se um pouco mais da comunicação social, mas mesmo sendo capa da bola, não causou grande interesse aos comentadores da praxe. Até houve quem tocasse no assunto, não para condená-lo, mas para enunciar “preocupações” (insinuações) com a integridade física de Pinto da Costa.

 

Provavelmente aguardam por algum desacato na Luz, para se manifestarem, com certeza muito críticos e preocupados, quem sabe até sugerindo a realização de um debate nacional sobre o assunto.

 

 

 

LFV também tem culpas no cartório. Não consegue separar os interesses pessoais dos institucionais. O apoio a Fernando Gomes, a presença constante do Oliveira em eventos do Benfica, a defesa de António Salvador (depois do que se passou em Braga), entre outras, só prejudica o Clube e apoquenta os benfiquistas.

 

Quem brinca com o fogo sujeita-se a ser queimado.

 

 

              

publicado por Tasqueiro às 16:21
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De RT a 15 de Março de 2011 às 14:15
Em Parc des Princes, o glorioso em principio vai sentirem casa, pois dos 48.713 lugares metade devem de ser de adeptos do BENFICA, resta consiguir gerir a vantagem da 1ª mão o que não deverá ser dificil e sem inventar até podem marcar 2 ou mais.

Quanto o campeonato ficou decidido logo na derrota em guimarães, atravez da arbitagem contra e a favor dos andrades.
O vandalismo contra pessoas e bens do BENFICA e lamentável que aconteça,deviriam os autores desses actos serem punidos, mas como são da quadrilha dos gangs passam completamente impunes.

De Jogos de Aventuras a 12 de Maio de 2011 às 12:48
Viva o benfica

Comentar

.Rodadas

contador de visitas
compteur gratuit
contador de visitas

.pesquisa

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Empate amargo

. Imprescindível vencer

. Insuficiente

. Jogo (d)e bastidores

. Mentalidade

.links

.arquivos

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim

blogs SAPO
RSS