Quinta-feira, 6 de Novembro de 2014

A grandeza do Benfica

 

 

"A grandeza inspira a inveja, a inveja engendra o despeito, o despeito produz a mentira"

 

É sempre bom sinal ver cumentadeiros desportivos de trombas, nas tv`s, após um jogo do Benfica. É sinal que o Benfica ganhou.

 

Numa tentativa de acalmar a azia, arquitectam lances polémicos, sempre em favorecimento do Glorioso. Desta vez foi um penalti por marcar, contra o Benfica claro, Jardel tocou com a mão na bola dentro da área, já nos últimos minutos de jogo.

 

A memória é selectiva, e desta vez, esqueceram-se que Jardel sofreu falta e que foi na queda que tocou na bola. Já antes, noutro jogo, o de Braga, reclamaram um penalti, na área do Benfica pois então, omitindo que a jogada nasce de um fora-de-jogo não assinalado. As agressões, aos jogadores do Benfica (Talisca, Jonas e Gaitan), só podem ter sido alucinações colectivas, por isso não entram na análise. Os penaltis na outra área são insignificâncias sem influência no resultado final.

 

Por falar em memória selectiva, lembram-se da arbitragem vergonhosa, na última final europeia? Pois foi, essa só teve eco na vizinha Espanha, em Portugal elevou-se o Beto a herói.

 

O Benfica vai à frente, vai isolado, e isso dói muito. Dói tanto, que uma decisão acertada (marcação de um fora-de-jogo) foi criticada, porque o árbitro assistente, não estava bem posicionado. A verdade desportiva (a deles) exigia que o árbitro errasse na decisão.

 

Como diria o Fernando Pessa, e esta hein?!

                   

      

publicado por Tasqueiro às 12:00
link do post | comentar | favorito

.Rodadas

contador free

.pesquisa

.Maio 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Plantel 2018/19

. Balanço e metas

. Autoritarismo

. Exigem-se mudanças

. Pouco ou nada altera

.links

.arquivos

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim


. ver perfil

. 5 seguidores

blogs SAPO
RSS