Segunda-feira, 23 de Abril de 2018

Inépcia

 

O jogo no Estoril foi mais uma aflição. Benfiquista sofre.

Uma primeira parte razoável, com domínio de jogo (faltou a finalização), os mínimos que se exige.

Uma segunda parte inaceitável. Exige-se mais de uma equipa que garante querer conquistar o título e afirma que “isto ainda não acabou”. É escasso.

Claro que existe um oponente, que também tem o seu valor e dignidade, que até luta pela vida (permanência), mas não justifica tanta incompetência. Faltou a pressão alta e o meio campo foi demasiado frágil (valeu Fesja). Não pode ser cansaço, todas as outras competições já foram há muito, apenas se joga uma vez por semana. A única atenuante foi o desempenho da equipa de arbitragem, uma actuação sem seriedade, sem dignidade, faltou o brio profissional. 

Rafa é um jogador extraordinário até chegar à parte da finalização, aí torna-se num executante banal. O golo apenas foi uma excepção a confirmar a regra. O tiro ao boneco é uma característica que ele tem, definitivamente, de perder. Isso treina-se.

Zivkovic é excepcional. Raça, querer, ambição e muito, muito talento. Cada vez que me lembro de o ver no banco em detrimento de Filipe Augusto fico angustiado.

Cervi tem vindo a baixar o rendimento. Talvez seja altura de dar o lugar a Rafa para permitir a entrada de Sálvio, que foi decisivo na obtenção dos 3 pontos.

Fesja é um assombroso. Um pilar naquele meio campo. Sem ele, o campeonato seria uma ilusão.

André e Grimaldo tiveram algumas dificuldades a defender. O espanhol ainda compensou com uma assistência. São duas situações a analisar com a máxima atenção por parte da estrutura, até porque fala-se no interesse em Grimaldo, Eliseu está em fim de linha e André não tem alternativa. 

 

Contagioso?

Os sucessivos bloqueios mentais da equipa de futebol nos jogos com os andrades podem estar a afectar também as modalidades. O hóquei já vai com duas goleadas sucessivas e o basquete também tem sentido dificuldades. Ambas as equipas são do topo em Portugal (Hóquei a nível mundial). Dá que pensar.

   

                 

 

publicado por Tasqueiro às 14:45
link do post | favorito
De Anónimo a 23 de Abril de 2018 às 17:55
Sobre o que deve ser a raça, o querer e a ambição de quem veste a camisola do Glorioso, e porque parece estarmos a claudicar na reta final da época, recomendaria, a todos os treinadores e jogadores de todas as modalidades do Benfica, que ouvissem a entrevista dada à BTV por Vanessa Fernandes. Ela diz como é.
Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.Rodadas

contador free

.pesquisa

.Julho 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Plantel 2019/20 – (actual...

. Plantel 2019/20

. Malvada angústia

. Ajax dá o exemplo

. Abrem-se as hostilidades

.links

.arquivos

.tags

. todas as tags

.mais sobre mim


. ver perfil

. 4 seguidores

blogs SAPO
RSS